Agora no Mundo

Últimas notícias do Brasil e do Mundo

Alexandre Frota nega que tenha feito sexo com homens, apenas com travestis

O Deputado Federal Alexandre Frota negou que tenha feito sexo com homens, mas assume que já se relacionou com travestis.

Conhecido por seus trabalhos como ator em diversos filmes, Frota ganhou a boca do povo quando protagonizou um ensaio na Revista G Magazine.

Além disso, ele também fez alguns filmes pornôs com travestis.

Em 2018, foi eleito com mais de 100 mil votos pelo PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro.

Apesar do destaque nas eleições, Frota foi expulso do PSL em agosto de 2019 após criticar o Governo Bolsonaro.

Alexandre Frota fala sobre sexo com outros homens

Em entrevista ao jornalista Marcelo Bonfá, Frota contou um pouco das suas experiências homoafetivas.

Segundo ele, as fotos pelado com outros homens fazia parte dos requisitos da G Magazine (extinta revista para o público gay).

“Beijei homem várias vezes, até porque a revista [G Magazine] pedia isso. Mas nunca transei com [homem], tanto que nunca fiz filme com homem. Com travesti, sim, mas nunca com homem. Existe essa confusão”, disse Frota.

Pornografia em Brasília

Atualmente com 55 anos, Alexandre Frota afirmou que já realizou todas as suas fantasias sexuais.

Ele disse ainda que nos dias de hoje se contenta apenas com o básico.

O ator e deputado disse também que não gosta de ser lembrado apenas pelos filmes adultos que fez.

“Já criei e realizei todas as minhas fantasias sexuais com o trabalho nos filmes pornôs. Hoje, o que gosto de fazer entre quatro paredes mesmo é dormir. Tenho a Fabiana, minha esposa, mas, com 55 anos, uma com fé, eu dou. A segunda, costuma faia”, contou, fazendo referência a trechos da música “Andar com fé”, do cantor Gilberto Gil.

 “Fiz os filmes até 2004, mas, apesar de ter feito várias novelas e cinema, estão sempre me perguntando do pornô”, confessou.

Sobre a relação entre a vida política e a pornografia, Frota encerrou dizendo: “se tem um lugar que tem pornografia é em Brasília”.

Deixe uma resposta