Após dizer que Covid é do Diabo, Edir Macedo se vacina fora do Brasil

Edir Macedo, de 76 anos, líder da Igreja Universal do Reino de Deus, usou suas redes sociais para mostrar que foi vacinado contra o vírus da Covid-19.

Em um vídeo publicado em seu Instagram, o religioso mostrou ele e sua esposa, Ester Bezerra, de 72 anos, se vacinando.

Eles estavam em Miami em uma “viagem missionária” e aproveitaram para se vacinar.

Edir Macedo toma vacina

A vacina tomada por Edir Macedo é a da Janssen, braço da Johnson&Johnson.

Essa vacina é aplicada em uma das poucas aplicadas em dose única.

“Conforme prometido, aí vão as provas da nossa vacinação contra a covid”, escreveu Macedo na legenda da publicação.

Minimizou o coronavírus

Em 2020, Macedo minimizou o novo coronavírus em um vídeo publicado também nas suas redes sociais.

“Meu amigo e minha amiga, não se preocupe com o coronavírus. Porque essa é a tática, ou mais uma tática, de Satanás. Satanás trabalha com o medo, o pavor. Trabalha com a dúvida”, disse.

“E quando as pessoas ficam apavoradas, com medo, em dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas”, concluiu.

Mas foi internado com Covid-19

Apesar disso, Edir Macedo pegou coronavírus e ficou internado no hospital Moriah, em São Paulo, pouco tempo depois.

O Portal R7, que pertence a Edir Macedo, na ocasião, afirmou que o líder religioso estava se tratando com cloroquina.

Apesar disso, não há evidências científicas de que o medicamente é eficiente no tratamento da doença.

.