Fernando Haddad é condenado a 4 anos e 6 meses de prisão por caixa dois

Fernando Haddad foi condenado por caixa dois em sua campanha municipal de 2012, quando concorreu e venceu a eleição para a prefeitura de São Paulo.

A sentença dada pelo juiz Francisco Carlos Inoyue Shintate é de “quatro anos e seis meses de reclusão, e 18 dias-multa, cada um no valor de 1 salário-mínimo vigente na época do fato”.

O político ainda pode recorrer da decisão.

Haddad, que disputou e perdeu nas eleições presidenciais de 2018, já havia sido absolvido de outras acusações no mesmo processo.

Formação de quadrilha e lavagem de dinheiro foram as acusações que o político foi absolvido.

A condenação veio no caso de recursos ilegais da empreiteira UTC na confecção de materiais para sua campanha.

João Vaccari Neto, ex-teroureiro do PT, também foi condenado no mesmo processo por lavagem de dinheiro e ocultação de bens.

Vaccari pegou 10 anos de prisão.

Deixe uma resposta