Médicos apontam mudanças no estado de saúde de Bolsonaro e dão notícia preocupante

A saúde do presidente Jair Bolsonaro deu mais uma reviravolta.

Depois que foi esfaqueado, em 2018, durante a campanha eleitoral, o político viu sua saúde enfrentar um quadro bastante difícil.

Já recuperado e empossado no cargo, o presidente precisou novamente passar por uma cirurgia para corrigir um problema causado pela facada.

A equipe médica que atende Bolsonaro no Hospital Vila Nova Star, em São Paulo, atualizou o quadro de saúde do presidente.

Estado de saúde de Bolsonaro preocupa brasileiros

Houve uma informação que deixou muitas pessoas preocupadas com a saúde de Bolsonaro.

O boletim informou que a equipe médica precisou suspender a dieta líquida que Bolsonaro estava recebendo.

Agora, Bolsonaro foi submetido a passagem de sonda nasogástrica e continuará internado.

Ele está desde o final da semana passada no hospital, onde passou por uma nova cirurgia, dessa vez para a correção de uma hérnia.

A previsão era que Bolsonaro fosse receber alta até o final dessa semana, mas a data poderá ser adiada.

Médicos falam sobre piora de Bolsonaro

Apesar da suspensão da alimentação líquida, os médicos afirmam que a saúde de Bolsonaro não piorou.

Um raio-x feito pela equipe mostrou que o presidente está com muito ar no estômago e no intestino e isso motivou a suspensão da dieta.

De acordo com o médico Antônio Luiz Macedo, que cuida de Bolsonaro, essa reação é uma resposta natural do organismo.

Ele fez questão de dizer que isso já aconteceu em outras cirurgias feitas em Bolsonaro e que o presidente não corre perigo.

Deixe uma resposta