Menina de 13 anos corta o pulso após ser ameaçada pela “Momo”

Uma adolescente de 13 de anos cortou o próprio pulso após receber ameaças em uma rede social. De acordo com a Delegacia de Polícia de Crimes Contra a Criança e Adolescentes e Atos Infracionais, as mensagens afirmavam que a família da menina morreria se ela não se machucasse. Sua mãe estava em casa e impediu que ela continuasse a se cortar.

A menina, de Joboatão dos Guararapes, em Pernambuco, contou à delegada responsável pelo caso que recebeu uma solicitação de amizade no Facebook no início do mês. A foto do perfil era a imagem de uma obra de arte japonesa que ficou viralizou na internet com o nome “Momo“. A imagem tem sido usada para assustar os jovens nas redes sociais.

“Cerca de 10 dias antes (de a adolescente cortar o pulso), esse perfil vinha amigavelmente conversando com ela. (A relação) começou normalmente, dizendo informações pessoais, e sem fazer nenhuma ameaça. Só que durante esse tempo, a mãe notou comportamentos estranhos da filha, porque ela ficava muito tempo no quarto e se cobrindo com lençol”, disse a delegada.

Na segunda-feira, a menina recebeu uma mensagem que falava: “Se você não se cortar, vou matar toda sua família”. Com medo, a menina acabou obedecendo a ordem. A delegada explicou que o perfil já tinha informações sobre a família e o endereço da menina.

“A sorte é que a mãe tem acesso ao celular da filha. Ela viu o perfil da Momo e o bloqueou imediatamente. O aparelho foi encaminhado para a perícia, que vai buscar resgatar a conversa e identificar a pessoa por trás das mensagens, mas nós vimos o perfil utilizado por este esse indivíduo, que pode ser homem ou mulher. Acreditamos que seja uma pessoa adulta que soube manipular a adolescente, pois começou de forma amigável e ganhou sua confiança. Quando já teve um certo domínio, fez a ameaça”, concluiu a delegada.

Deixe uma resposta