Mulher morre após receber notícia falsa no WhatsApp

Ana Lúcia Cardoso da Silva, de 47 anos, infartou após receber uma notícia falsa que estava sendo compartilhada pelo WhatsApp. O caso aconteceu em Anchieta, no Espírito Santo.

O texto afirmava que a Escola Estadual Coronel Gomes de Oliveira, onde um de seus filhos estudava, estava sofrendo um atentado.

“Nosso objetivo é destruir o prédio, mas, se forem alunos, irá ter sangue”, dizia parte do texto. 

Ana não foi a única que passou mal com a fake news, o boato também fez com que outras mães de alunos passassem mal e ficassem preocupadas.

De acordo com a Secretaria de Educação, o caso está sendo investigado e providências serão tomadas.